Notícias

Data: 2018-04-27
  • VM

Está escolhido o rosto do cartaz promocional da XXII Viagem Medieval em Terra de Santa Maria, que terá como figura central o rei D. Pedro I. Alferes Pereira tem 47 anos, é feirense, natural e residente na freguesia de Pigeiros, apaixonado por história, teatro e cinema, e com experiência de ator.

Na escolha do candidato foi determinante o porte/constituição física, a expressão vincada do rosto que se pretende transmitir na imagem promocional, o à-vontade perante as câmaras, bem como o gosto e a disponibilidade total demonstrada para o evento, quer em ações promocionais quer em momentos de recriação histórica integrados no programa.

Alferes Pereira é agente imobiliário independente, mas tem um vasto percurso ligado ao associativismo local, estando atualmente ligado de forma mais ativa ao Festival de Cinema Luso-Brasileiro e ao Cineclube da Feira.

No seu currículo, Alferes Pereira revela experiência de ator principal no filme “Haikai Diamante”, de André Francoli da Conceição, e participações como figurante em várias curtas-metragens. A sua juventude foi ainda marcada pelo teatro experimental e cooperações diversas com companhias de teatro. Também o seu percurso político, ligado ao CDS local, distrital e nacional, contribuiu de forma determinante para a sua capacitação na área da comunicação.

Para além dos requisitos físicos exigidos (alto, cabelo ondulado e barba), da idade, experiência de ator e à-vontade perante as câmaras, Alferes Pereira assumiu “disponibilidade total para o evento, bem como para ensaios e treinos” associados à sua participação nos 12 dias do evento.

“Sentiria uma enorme orgulho em personificar tão ilustre figura da nossa história”, registou Alferes Pereira na sua candidatura ao casting para cartaz da Viagem Medieval, onde sublinhou ainda identificar-se em absoluto com a temática e o alcance deste evento, que considera “de excelência”.

D. Pedro I, filho de D. Afonso IV, é quase sempre identificado pelo episódio de vingança contra os carrascos de Inês de Castro. O Cruel ou o Justiceiro, temido e respeitado pela nobreza, reinou apenas dez anos, levando a justiça a todas as partes, fazendo-a “aos modos antigos”, por vezes com excessiva dureza e pouco rigor. O povo, que sentia a sua proteção, chamava-o de justiceiro.

De 1 a 12 de agosto de 2018, a XXII Viagem Medieval em Terra de Santa Maria vai recriar os episódios mais marcantes do reinado de D. Pedro I, filho de D. Afonso IV. O evento é organizado pela Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, empresa municipal Feira Viva e Federação das Coletividades de Cultura e Recreio do Concelho.